Terça-feira, 22 de Setembro de 2020
Pinga Fogo

Chalub pede que CNJ reconsidere decisão que anulou nomeação para a Esmam


show_8226989159_a504e753b0_h_EF580E16-0000-46A5-8CD4-211BD3AF94B4.jpg
26/07/2020 às 01:04

# Insatisfeito com a decisão da conselheira Maria Cristiana Simões Amorim, do Conselho Nacional de Justiça (CNJ), que anulou o ato que nomeava o desembargador João Simões a diretor da Escola Superior da Magistratura do Amazonas (Esmam), o presidente do Tribunal de Justiça do Amazonas, Domingos Chalub,  pediu reconsideração da decisão. 

# A Corte solicitou concessão de efeito suspensivo “ante a comprovação da relevância do caso”, ou seja, até que ocorra  um parecer decisivo. 

# O pedido, no entanto, foi rejeitado pela conselheira. Por fim, o desembargador Yêdo Simões, autor do processo que anulou o ato, tomou posse na sexta-feira como diretor da Esman em uma solenidade virtual.


Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.