Quinta-feira, 04 de Março de 2021
RENOVAÇÃO

Em Manaus, médica vacinada fala em esperança: ‘Não percam a fé!’

A médica generalista Jhamille da Silva lembrou momentos difíceis em que trabalhou durante a pandemia e destacou o sentimento de renovação com a imunização



e2799260-27c0-4404-a255-2ae52947bc35_0FB00AB5-7092-4FE8-A060-3A2E645CC694.jpg Foto: Junio Matos
19/01/2021 às 12:06

“É um sinal de esperança em meio a esse terror que nós estamos vivendo”, foi como bem definiu a médica generalista Jhamille Cardoso da Silva, da Secretaria Municipal de Saúde de Manaus (Semsa), uma das primeiras profissionais de saúde a serem imunizadas, na manhã desta terça-feira (19), durante a abertura da campanha de vacinação contra a Covid-19, na capital amazonense.

Ela atua no Centro de Emissão de Óbitos da Semsa e lembrou de momentos difíceis em que trabalhou durante a pandemia da Covid-19. “A cada dia a gente se depara com famílias em situações precárias de saúde. E a emoção que eu tive no momento de receber a vacina, eu creio que muitas pessoas poderão ter também porque é uma sensação que não tem como descrever, é de renovação”.



A técnica de enfermagem, Rosenira da Silva, que atua na Unidade Básica de Saúde Leonor de Freitas, bairro Compensa, zona Oeste, reforçou a importância da vacinação para a população. “Eu peço para todas as pessoas que estão sem casa que acreditem na vacina, que não tem outra saída, só a vacina vai nos libertar do que está acontecendo. Não percam a fé!”.

 Já a enfermeira do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), Leda Sobral, reforçou o pedido para que a população continue adotando medidas de segurança em saúde.

“Nós gostaríamos de lembra que esse é um marco histórico, mas nós precisamos continuar com os cuidados básicos como o afastamento social, os cuidados de higienização, ou seja, fazendo a nossa parte. Não só a vacina vai ser necessária, mas o compromisso e a responsabilidade de cada cidadão dessa cidade também”, destacou.

Como uma das profissionais à frente da pandemia, ela comentou sobre a experiência de ter vivido momentos difíceis na carreira, quando presenciou pessoas necessitando de oxigênio. “A sensação de impotência é muito grande. Tanto recurso disponível e a gente perdendo pessoas por falta de oxigênio, mas nós acreditamos que isso não mais vai acontecer, nós vamos conseguir mudar essa história e isso fará parte do passado”.

Conforme a Prefeitura de Manaus, as vacinações aos profissionais de saúde e aos indígenas aldeados na capital ocorrerão ainda a partir da tarde desta terça-feira, 19 de janeiro. Serão imunizados 19.250 profissionais que atuam na capital, além de 100% dos 386 indígenas aldeados na área rural do município.

News karol 2d8bdd38 ce99 4bb8 9b75 aaf1a868182f
Repórter de Cidades
Jornalista formada pela Uninorte. Apaixonada pela linguagem radiofônica, na qual teve suas primeiras experiências, foi no impresso que encarou o desafio da prática jornalística e o amor pela escrita.

Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.