Quarta-feira, 03 de Março de 2021
Prisão

Suspeito de matar motorista de aplicativo é preso em Manaus

"Felipinho" é apontado como chefe do grupo criminoso ligado ao tráfico de drogas e responsável por, pelo menos, oito assassinatos



WhatsApp_Image_2021-01-20_at_18.52.04_A575AA77-A7E5-4303-9E2D-314CBA8E4822.jpeg Foto: Divulgação
20/01/2021 às 21:05

Seis integrantes de uma facção criminosa foram presos nesta quarta-feira (20), durante a operação "Demolidor" na comunidade Bairro Novo, no bairro Jorge Teixeira, na Zona Leste de Manaus. A ação teve início por volta das 10h e envolveu policiais militares das Rondas Ostensivas Cândido Mariano (Rocam). 

Entre os presos está Felipe Patrício da Silva, 21, conhecido como "Felipinho", apontado como chefe do grupo criminoso ligado ao tráfico de drogas e responsável por, pelo menos, oito assassinatos que aconteceram na região no ano passado. Os crimes foram motivados por disputa de território do tráfico. 



À polícia, Felipe confessou o assassinato do motorista de transporte por aplicativos Marcos Teixeira Maia, 27, vulgo "Marquinhos", que foi encontrado esquartejado no porta-malas de um carro modelo Voyage, de cor prata e placa OAL-7217, na Travessa Lapão, no bairro Cidade de Deus, na Zona Norte da capital.  

O crime ocorreu no dia 23 de dezembro de 2020, sendo o corpo encontrado por um amigo do motorista. O veículo foi alugado para o transporte urbano privado, mas Marcos também utilizava a plataforma no tráfico de entorpecentes. A vítima fazia parte da facção criminosa Comando Vermelho (CV). 

Segundo a polícia, o grupo de Felipe atuava na comunidade com "toque de recolher", intimidando os moradores. Após denúncias anônimas, uma operação foi montada com 40 policiais militares em combate ao crime organizado, que resultou na prisão e na apreensão de materiais ilícitos. 

Além de Felipe, foram presos Aderson de Lima Braga, 18; Cleyson Weskey Pereira Valência, 22; Melriton de Souza Fagundes, 21; Victor Guilherme Silva Costa, 26, e Wandrey Klemerson Belém Simões, 21. Com o grupo, a polícia apreendeu quatro revólveres calibre 38, duas pistolas de uso restrito, balanças de precisão e várias porções de drogas. 

Todos os envolvidos foram apresentados para os procedimentos no início da tarde na Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS), juntamente com a materialidade ilícita apreendida.


Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.