Sexta-feira, 23 de Outubro de 2020
HISTÓRICO

Manaus vence o Paysandu e conquista primeira vitória na Série C

Após 12 anos, uma equipe amazonense volta a vencer na terceira divisão do futebol nacional. Rennan e Simionato marcaram os gols esmeraldinos



C7DFD48F-9858-4B42-9C27-D0A524D2CBFC_C375C966-CBAF-47F6-A05C-DBDA8DA003DD.jpeg Fotos: Ismael Monteiro/Manaus FC
29/08/2020 às 20:09

Neste sábado (29), a chuva que caiu no início da noite parece ter limpado os caminhos do Gavião do Norte. Na Arena da Amazônia, o Manaus venceu o Paysandu por 2 a 1 e conquistou sua primeira vitória na Série C do Campeonato Brasileiro. Rennan, no primeiro tempo, e Simionato, no segundo, marcaram para os amazonense; Diego Matos fez para o Papão da Curuzu. 

Com o resultado, o time amazonense chega aos cinco pontos, ultrapassa o Paysandu e dorme na quarta posição da tabela de classificação - neste domingo (30), dois jogos fecham a quarta rodada. Já o time paraense desce para a sétima colocação e estaciona nos quatro pontos.



 

Chuva no céu e gols em campo

À distância e através da internet, na primeira etapa o torcedor viu um Manaus mais intenso do que nas últimas partidas. Com o meia Gabriel Davis ocupando o lugar do volante Carrilho e Simionato no ataque, o Gavião do Norte foi melhor. Antes dos 15 minutos, já eram duas chegadas: Fumaça parou no goleiro Gabriel Leite e Davis viu cobrança de falta raspar a trave.

Faltava colocar a bola no fundo das redes. E o 'empurrãozinho' veio do próprio Paysandu. Em bola cruzada para a área, Diego Matos tirou errado e a bola sobrou para Rennan, lateral-esquerdo do Gavião, bater no cantinho e abrir o placar. Com a vantagem, o time esmeraldino diminuiu a posse, mas não sofreu tantos riscos.

Exceto pelo último lance do primeiro tempo. Thiago Spice derrubou o artilheiro do Papão, Nicolas, na entrada da área e o árbitro marcou. Na cobrança, Diego Matos se redimiu pelo erro no gol esmeraldino, conseguiu surpreender Jonathan e marcou para os paraenses. Tudo igual. 

Enfim, vitória!

A segunda etapa iniciou sem a chuva torrencial do primeiro tempo e sem mudanças. Depois de evitar gol de Nicolas, praticamente, em cima da linha, o Gavião teve felicidade lá na frente. Aos 6 minutos, Fumaça chegou bem pela direita e cruzou para Simionato se esticar todo e completar de carrinho. Foi o primeiro gol do atacante entrando como titular na temporada - ele ganhou a vaga de Mateus Oliveira.

À frente do placar e fazendo mudanças para renovar o fôlego dos homens de frente, Luizinho Lopes promoveu as estreias dos atacantes Luizinho e Jandy. Ambos criaram jogadas e tiveram chances para marcar o terceiro do time amazonense. Quem também desperdiçou oportunidade foi Rossini, que testou de cabeça, aos 36 minutos, e viu a bola passar à esquerda do gol paraense.

Ao final do jogo, o zagueiro Pereno, do Paysandu, ainda foi expulso por agredir o atacante Luizinho. Do 'chuveiro', ele não conseguiu ver a comemoração do elenco do Gavião do Norte no campo da Arena da Amazônia.

News leonardo 9028af08 26fb 4271 b322 4409cded8370
Repórter do Craque
Jornalista em formação na Universidade Federal do Amazonas (Ufam) e repórter do caderno de esportes Craque, de A Crítica. Manauara fã da informação e que procura aproximar o leitor de histórias – do futebol ao badminton.

Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.