Sábado, 28 de Novembro de 2020
PÉ NO CHÃO

Daniel Costa diz que Manaus deve priorizar permanência na Série C

Novo articulador do meio-campo do Gavião do Norte diz que equilíbrio do grupo permite que a equipe sonhe com uma classificação



WhatsApp_Image_2020-10-22_at_21.08.50_458CF12E-F288-401B-A10C-803AC8CB54AA.jpeg (Foto: Iago Albuquerque)
22/10/2020 às 21:38

A campanha do Manaus no Campeonato Brasileiro da Série C vem sendo uma verdadeira montanha russa. Se em alguns momentos a equipe aparece à beira da zona da degola, em outros o time flerta com a possibilidade de chegar ao G4. Com 14 pontos, nesta altura da competição o clube encontra-se em um verdadeiro ‘meio termo':  três pontos à frente do primeiro time da zona de rebaixamento e três atrás do Ferroviário-CE, atual quarto colocado do grupo A1.

O meia Daniel Costa, novo cabeça pensante do setor de criação do Manaus, manteve os pés no chão. Para ele, times que sobem de divisão precisam pensar primeiro na permanência antes de almejar outros objetivos. Mesmo assim, o jogador reconhece que o equilíbrio do grupo acaba dando chances ao clube pensar em buscar voos mais altos na competição nacional.



“Eu acho que temos que ter os pés no chão, toda vez que um time sobe pela primeira vez ele deve ser humilde e primeiro pensar em se livrar do rebaixamento e depois disso começar a olhar pra parte de cima e projetar coisas maiores. Nós temos visto que o campeonato está nos dando oportunidade de chegar próximo ao G4, então nós vamos procurar buscar isso”, respondeu o atleta, que fez um gol e deu uma assistência na última partida do Manaus na Série C.

Não é novidade para ninguém que o camisa 88 conseguiu cair nas graças da torcida com apenas duas atuações. É necessário lembrar que antes de Daniel Costa o técnico Luizinho Lopes testou uma série de jogadores para a posição de ‘10’. Daniel disse que a recepção que vem recebendo fora de campo o deixa sem palavras e que a tendência é o entrosamento com os companheiros ficar cada vez melhor com o passar do tempo.

“Do primeiro para o segundo tempo melhorou bastante, todos me receberam muito bem, fora de campo não tenho nem o que dizer, o torcedor foi muito receptivo. Falando sobre o primeiro jogo, é normal a gente ainda encontrar certa dificuldade, mas no segundo já vimos um melhor toque de bola, conhecendo a característica de cada companheiro e acredito que com o passar do tempo isso só tenha a melhorar”, disse Daniel Costa.

Após a vitória por 3 a 2 contra o Botafogo-PB, o Manaus recebe a Jacuipense-BA neste sábado (24), às 16h, na Arena da Amazônia, pela 12º rodada do Campeonato Brasileiro da Série C.

Repórter de A Crítica

Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.