Segunda-feira, 10 de Agosto de 2020
EMOÇÃO

Garantido emociona no Bumbódromo em noite de 'Live Parintins'

Bumbá vermelho e branco fechou a noite de transmissões feitas direto de Parintins pela TV A Crítica levando muita emoção à Nação Vermelha e Branca, com direito à chuva no final



WhatsApp_Image_2020-06-28_at_00.34.26_04A122A9-0994-40D5-85FE-5D0D29C5F9F4.jpeg (Fotos: Glenda Dinelly)
28/06/2020 às 01:56

Segundo a se apresentar na ‘Live Parintins’, transmitido na noite deste sábado pela TV A Crítica direto do Bumbódromo da Ilha Tupinambarana, o Garantido apresentou um espetáculo de emoção, de homenagem à galera vermelha e branca com um repertório focado em toadas de 2020 e também em sucessos históricos do Boi da Baixa do São José.

Um dos momentos mais emocionantes surgiu logo nos primeiros minutos de apresentação. O apresentador do bumbá, Israel Paulain, deu a introdução do espetáculo para cantar a toada Alma Rubra. Mas, sentado, diante das arquibancadas vermelhas vazias, deixou as lágrimas correrem de seus olhos, visivelmente emocionado, e chegou a perder a voz em alguns momentos. 



Sem levar grandes alegorias para a Arena do Bumbódromo, o Garantido montou um módulo alegórico semelhante a uma passarela para a evolução dos itens individuais. Foi lá que surgiu o levantador de toadas Sebastião Júnior para comandar a festa, em sua primeira participação direto de Parintins nos eventos oficiais do bumbá. Nas primeiras lives organizadas pelo Garantido, ele participou pela internet, direto de Juruti, no Pará, onde mora. 

‘Sabá’ cantou Chegada do Boi Garantido e Povo do Garrote 2, duas toadas de 2020 que já caíram no gosto da galera encarnada. Logo na sequência, o Garantido apresentou um vídeo previamente gravado com imagens da Amazônia em que apresentou o poema ‘Estatutos do Homem’, um dos mais icônicos da carreira do poeta amazonense Thiago de Mello.

Logo após o vídeo,  foi uma toada de Sebastião Júnior que trouxe para arena o pajé Adriano Paketá. Assim como fez no Festival de 2019, ele adentrou à Arena para tocar um tambor tribal em ‘Celebração de Fé’, composição do levantador do Garantido.  O próximo item que entrou na arena foi Gaspar Medeiros, que apresentou versos de provocação ao Caprichoso. Também compositor, Gaspar é autor da toada Diversidade ,que foi apresentada logo após seu primeiro verso. A toada é uma das mais impactantes do CD Povão do ano de 2020.

Edilene Medeiros, porta-estandarte, e a Sinhazinha da Fazenda Didja Cardoso foram os próximos itens a adentrar à arena. O Garantido surgiu já no final da primeira metade do espetáculo. De dentro de um coração vermelho e branco, o tripa Denildo Piçanã surgiu para evoluir ao som de ‘Mago da Evolução’. 

A Rainha do Folclore, Brenda Beltrão, e a cunhã-poranga Isabelle Nogueira trouxeram brilho à apresentação do Garantido na sequência. Já na reta final da apresentação, um novo momento tribal que trouxe a evolução do pajé Adriano Paketá ao som de Matawi-Kukenã, que marcou também a chegada da chuva ao Bumbódromo. “O pajé que faz chover”, exaltou Israel Paulain, para encerrar a apresentação do Garantido na ‘Live Parintins’. 

News whatsapp image 2019 06 22 at 17.28.20 a187bead 9f3c 42a6 86d0 61eb3f792e97
Jornalista de A CRÍTICA

Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.