Quinta-feira, 04 de Março de 2021
FASE INICIAL

Quantidade de vacinas no AM atenderá pouco mais da metade dos grupos prioritários

Com 282 mil doses recebidas, vacinas irão atender, inicialmente, 100% dos indígenas aldeados e parte dos profissionais de saúde; idosos ainda não serão imunizados



WhatsApp_Image_2021-01-20_at_02.49.29_E8BADCC0-B5D9-4CB8-A53F-69806A91293E.jpeg (Foto: Lucas Silva / Secom)
20/01/2021 às 02:52

Após ofício encaminhado pela Defensoria Pública do Estado do Amazonas (DPE-AM) questionar a quantidade de doses da vacina contra a Covid-19 encaminhada ao Amazonas e sua respectiva distribuição, o Governo do Estado informou ter recebido 282 mil doses do Ministério da Saúde - 26 mil a mais que o previsto. De acordo com nota enviada pela Secretaria de Estado de Comunicação (Secom), as 50 mil doses direcionadas pelo Governo de São Paulo - que fariam o Estado chegar a 332 mil doses no total - ainda não chegaram à cidade. 

A quantidade de doses enviadas não é suficiente para atender a todos os grupos prioritários que compõem a primeira fase da vacinação. São eles: povos indígenas aldeados (que vivem em aldeias), trabalhadores da saúde, pessoas com 75 anos ou mais, pessoas com 60 anos ou mais institucionalizadas e PcDs institucionalizados.



No Amazonas, estes grupos totalizam 262 mil pessoas, mas a dose atual de imunizantes em posse do Estado é suficiente para atender cerca de 140 mil pessoas - cerca de 53% do total - porque cada pessoa necessita de duas doses. Por isso, idosos de duas faixas etárias - de 75 a 79 anos e acima dos 80 anos - e pessoas com 60 anos ou mais institucionalizadas e PcDs institucionalizados ainda não serão atendidos neste primeiro momento. 

De acordo com a FVS-AM, foram distribuídos lotes com as duas primeiras doses da vacina aos municípios do interior, com exceção de cidades da região metropolitana de Manaus e da própria capital, que receberam o quantitativo equivalente à primeira dose. No total, foram distribuídas, nesta terça-feira, 221.593 doses para capital e interior.  Ou seja, cerca de 60 mil, referentes a segunda dose de Manaus e dos municípios da região metropolitana, seguem armazenadas nos contêineres da Fundação de Vigilância em Saúde. 

O quantitativo de doses enviadas ao Amazonas não é suficiente para todos os grupos prioritários da primeira fase da vacina. Portanto, o total de imunizantes que estão no Amazonas servirá para o atendimento de toda a população indígena vivendo em terras indígenas acima de 18 anos e mais 34% do total dos trabalhadores da saúde. "Ou seja, somente no Amazonas foram distribuídas 181.521 doses no interior, com foco nesses dois grupos", diz a nota do Governo do Estado.

Por conta do atendimento a 100% da população indígena acima de 18 anos, por exemplo, São Gabriel da Cachoeira recebeu 27.968 doses da vacina - a segunda maior quantidade entre os municípios amazonenses. A cidade tem a maior população indígena do Brasil e, pelo Plano de Imunização inicial, iria receber pouco mais de 16 mil doses. Tabatinga (20.745), São Paulo de Olivença (17.850 doses) e Benjamin Constant (15.255) também receberam mais doses que o inicialmente previsto pelo mesmo motivo. 

Por outro lado, pela mesma questão prioritária, há cidades que receberam 10% - ou até menos - do total previsto para a primeira fase de imunização. É o caso de Anori, que recebeu 51 doses de vacinas. O total de doses necessárias para atendimentos a grupos prioritários no município é de 523. Em Silves, para onde foram 62 doses, o total estimado para a primeira fase é de 702 doses.  As doses são encaminhadas pelo Estado aos municípios e a eles cabe a aplicação dos imunizantes. 

De acordo com a Secom, a Nota Técnica orientativa do MS informa que "à medida em que o laboratório disponibilizar novos lotes de vacina, o Programa Nacional de Imunizações irá dispor de novas grades de distribuição e cronogramas de vacinação dos grupos prioritários, conforme previsto no Plano Nacional de Operacionalização da Vacinação contra a Covid-19".

A distribuição aos municípios, segundo o Governo do Estado, será feita de forma gradativa, conforme forem realizadas as entregas do MS. As próximas doses recebidas serão direcionadas para atendimento ainda dos grupos prioritários da primeira fase. Veja quem são os grupos prioritários da vacinação

News portal1 841523c7 f273 4620 9850 2a115840b1c3
Jornalismo com credibilidade

Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.